Telefax (11) 3885 8388 | editora@editoraperspectiva.com.br      iten(s):597
R$ 50441.30
 
 
 
TÍTULO:   1  2  A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z 
AUTOR:     A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z 
   
   Assunto
  Coleção
  Palavra
  
 



SOBRE O LIVRO
Assunto:arte
Coleção:stylus 14
formato:18,5x20,5 cm
páginas:680
acabamento:brochura
edição:1ª 2016
peso:854 g
ISBN:9788527310819
 
Naturalismo, O
J. Guinsburg 
João Roberto Faria (Org.)

 
  R$ 145.00
  COMPRAR

O século XIX, com as profundas transformações materiais, sociais e políticas ocorridas em seu transcurso, foi o grande cadinho no qual, em todos os campos do conhecimento, das artes e das técnicas, as ideias entraram em efervescência e, num choque dos mais fecundos, abriram caminho para os modos de ser e de fazer no que veio a se tornar a modernidade. Nesse contexto, duas vertentes adquiriram particular significado no processo cultural do Ocidente: o romantismo e o naturalismo. Alimentadas, uma pela liberação das peias classicistas da tradição e do racionalismo ilustrado, que deu asas aos voos do seu imaginário mitopoético na conceituação e representação das individualidades coletivas – etnias, culturas, gênios nacionais etc. – e às elaborações psicocaracteriológicas de suas qualificações potencializadas e heroificadas da personalidade individual; e a outra, com base na crença da infinitude do progresso humano, pelo extraordinário desenvolvimento econômico, industrial e científico a consubstanciar-se nas propostas das várias versões do positivismo e do pragmatismo, geradas no seio da corrente realista que sempre permeou a criação artística e literária, com variações que vão de um objetivismo radical à tentativa de objetivar a subjetividade. Assim, era natural que o naturalismo fosse colher na biologia, na medicina, na psicologia, na sociologia e nas outras ciências alguns de seus conceitos fundamentais que, grosso modo, enquadraram, sem que se possa falar em determinação, suas produções. Todavia, levando a extremos seus ideologemas demarcadores, ele se expôs à dura crítica de seus opositores que, em média, acusaram-no de desconsiderar os mais altos e nobres valores estéticos e morais da sociedade. Não obstante, seu impiedoso bisturi crítico e suas escandalosas criações, na mimese de arte, exerceram enorme influência não apenas na França de origem, já que, transpondo fronteiras e oceanos, a visão de mundo e o modus faciendi naturalistas espalharam-se pela Europa e pelos quatro cantos do globo. Um dos principais motores/mentores dessa expansão foi, sem dúvida, Émile Zola, o escritor que com mais rigor e militância incorporou e expressou esse ideário em sua vasta obra romanesca, ensaística e dramatúrgica, cujo impacto falou pela pena e pela escritura de inúmeros autores em diferentes culturas, línguas e países. Daí a concepção que presidiu este volume da coleção Stylus.Coordenado por João Roberto Faria e por mim, ele se propõe a rastrear as linhas dessa irradiação e sua repercussão no Brasil, numa síntese que reúne especialistas das várias áreas do pensamento e das artes, compondo um panorama não só da época e de seus embates como do sentido desses movimentos, a seu modo inquestionavelmente estéticos, que se propunham a captar o espírito e as realidades da condição humana.
J.Guinsburg

• Indicar o livro
• Dê a sua opinião sobre a obra
 
 
O AUTOR

J. Guinsburg

Conheça o autor

LIVROS PUBLICADOS


Romantismo, O


Aventuras de uma Língua Errante


Guia Histórico da Literatura Hebraica


Círculo Lingüístico de Praga


Diderot: Obras II - Estética, Poética e Contos


Diderot: Obras I - Filosofia e Política


Pirandello: Do Teatro no Teatro


Classicismo, O


Expressionismo, O


Histórias do Povo da Bíblia


Do Estudo e da Oração


Contos de I. L. Peretz


Quatro Mil Anos de Poesia


Nova e Velha Pátria


Conto Ídiche, O


COLEÇÃO JUDAICA ENCADERNADA


Judeu e a Modernidade, O


Leone de´ Sommi


Semiologia do Teatro


Stanislávski e o Teatro de Arte de Moscou


Felícia Leirner: Textos Poéticos e Aforismos


Box - Platão


Stanislávski, Meierhold & Cia.


Lessing: Obras


Da Cena em Cena


Büchner: Na Pena e na Cena


Pós-modernismo, O


Dicionário do Teatro Brasileiro


Diderot: Obras III - O Sobrinho de Rameau


República de Platão, A


Diderot: Obras IV - Jacques, o Fatalista, e seu Amo


Diderot: Obras VI - O Enciclopedista


Surrealismo, O


Diderot: Obras V - O Filho Natural


Pós-Dramático, O


Diderot: Obras VII - A Religiosa


Diderot: Obras VI (2) - O Enciclopedista


Descartes: Obras Escolhidas


Diderot: Obras VI (3) - O Enciclopedista


Teatro Espanhol do Século de Ouro


Teatro Brasileiro: Ideias de uma História


Spinoza Obra Completa I


Spinoza Obra Completa II


Spinoza Obra Completa III


Spinoza Obra Completa IV


Naturalismo, O


Itinerário de Benjamin de Tudela, O