Jazz: do Rag ao Rock, O
Joachim E. Berendt (autor)

livro esgotado
O jazz constitui um fenômeno cultural altamente estimulante como objeto de estudo, pois para o seu aparecimento contribuíram fatores sociais diversos em forte interação com o dado psicológico. Os músicos mais significativos do jazz têm, por exemplo, sua própria história confundida com a do jazz. Além disso, o alto grau de tecnicidade e ao mesmo tempo de improvisação exigidos por ele refletem simultaneamente sua vitalidade, sua penetração popular, assim como sua riqueza estilística. Esta, em cada uma de suas várias modalidades, como o dixieland, o chicago, o swing, o bebop, o cool jazz, o hard bop, o free jazz, expressa um momento bem definido da vida americana ou simplesmente de nossa época e se acha claramente detalhada no presente livro. É preciso não esquecer ainda que todo o jazz vem da música cantada, assim como todo o canto surge, no jazz, da música instrumental. Tais fatores englobam, em um só universo sonoro, o homem, o instrumento e o meio ambiente, o que empresta ao jazz, na sua condição de evento musical, um caráter único. Com esta publicação, Joachim E. Berendt, autoridade, no assunto, empreende uma análise exaustiva do jazz e de sua evolução. Completa o volume uma relação de termos específicos e ainda uma discografia.
Sumário
APRESENTAÇÃO ... 11
PREFÁCIO ...13

1. OS ESTILOS DO JAZZ ... 17
1890 – Ragtime, 18; 1900 – New Orleans, 21; 1910
– Dixieland
, 24; 1920 – Chicago, 26; 1930 – Swing,
28; 1940 – Bebop, 29; 1950 – Cool, Hard Bop, 32;
1960 – Free Jazz, 36; 1970, 46.

2. OS MÚSICOS DO JAZZ ... 57
Buddy Bolden, 58; Louis Armstrong, 60; Bessie
Smith
, 67; Bix Beiderbecke, 69; Duke Ellington,
73; Coleman Hawkins e Lester Young, 78; Charlie
Parker e Dizzy Gillespie
, 84; Miles Davis, 93; John
Coltrane e Ornette Coleman
, 101.

3. OS ELEMENTOS DO JAZZ ... 113
Sonoridade e fraseado, 113; A improvisação, 116; O
arranjo
, 119; O blues, 123; Spiritual e gospel-song,
131; A harmonia, 135; A melodia, 139; Ritmo,
swingue
, 142.

4. DEFINIÇÃO DE JAZZ ... 149

5. OS INSTRUMENTOS DO JAZZ ... 155
O pistão, 155; O trombone, 165; A clarineta, 172; Os
saxofones
, 180; O saxofone soprano, 181; O saxofone
alto
, 185; O saxofone tenor, 189; O saxofone barítono,
202; A flauta, 205; O vibrafone, 208; O piano, 210;
A guitarra, 226; O contrabaixo, 237; A bateria, 243;
O violino, 257; Órgão – sintetizador – instrumentos
de teclado em geral
, 260; Outros instrumentos, 266.

6. OS CANTORES DO JAZZ ... 269

7. AS CANTORAS DO JAZZ ... 281

8. AS BIG BANDS DO JAZZ ... 293
Fletcher Henderson e o início, 294; A era Goodman,
297; Os reis negros do swing, 299; Woody e Stan,
302; Bebop big bands, 305; Basie como base, 307;
Gil Evans e George Russell, 309; Free big bands,
311; Rock big bands, 313; Big bands forever: os
anos 70
, 317.

9. OS COMBOS DO JAZZ ... 323
Combos do swing, 326; Bop e Cool, 328; Ponto alto
da integração
, 330; From hard bop to free, 332;
Ornette e depois, 334; Os anos 70, 336; Blues,
blues/rock, rock
, 337; Electric jazz, 342.

10. O JAZZ EUROPEU HOJE ... 349

11. OS TERMOS DO JAZZ ... 355

12. DISCOGRAFIA ... 363
SOBRE O LIVRO
assunto: música
coleção: debates 109
formato: 11,5x20,5 cm
páginas: 408
acabamento: brochura
edição: 1ª 2009 - 2ª reimpressão
peso: 380 g
ISBN: 9788527304894

Editora Perspectiva
Av. Brigadeiro Luís Antônio, 3025
Jardim Paulista, São Paulo - SP
01401-000
(11) 3885 8388

Comunicação

Sobre a Editora

Contato

Preencha com o seu nome e e-mail e receba informações sobre a Editora Perspectiva.

Desejo receber informações sobre promoções, lancamentos e eventos da Editora Perspectiva

Redes Sociais

 

Copyright 2018, Editora Perspectiva