Ponto de Vista

por MARIANA IANELLI

Victor Brecheret trabalhava no “Monumento às Bandeiras” quando um dia apareceu em seu ateliê uma mulher loura e bem vestida querendo ter aulas. Esse encontro entre Brecheret e Felícia Leirner, que aconteceu em 1948 e marca o início dos estudos de Felícia com o mestre, é lembrado por Giselda e Sheila, filha e neta da artista, no livro “Felícia Leirner — Textos poéticos e aforismos” (Editora Perspectiva, 160 páginas, R$ 38).

O convite que a família Leirner faz ao leitor-espectador com esse livro, que traz também textos críticos de Angélica de Moraes e J. Guinsburg, é de um passeio mais intimista pela trajetória de vida e obra da artista. Imagens do Museu Felícia Leirner em Campos do Jordão aparecem intercaladas a uma seleção de fragmentos sobre arte, amor, Deus e fé, entre outros textos que Felícia escreveu no fim da vida (ela morreu em 1996), quando já havia deixado as esculturas de grandes proporções por seus pequenos pássaros em bronze.

LEIA MAIS: http://goo.gl/qXcf0U

Foto de Adolfo A. Leirner/Divulgação



fonte: O GLOBO | por: MARIANA IANELLI | Publicado: 31/05/14 - 16:03

notícias o livro

Editora Perspectiva
Av. Brigadeiro Luís Antônio, 3025
Jardim Paulista, São Paulo - SP
01401-000
(11) 3885 8388

Contato

Preencha com o seu nome e e-mail e receba informações sobre a Editora Perspectiva.

Desejo receber informações sobre promoções, lancamentos e eventos da Editora Perspectiva

Redes Sociais

 

Copyright 2017, Editora Perspectiva